quarta-feira, 22 de junho de 2011

janainíces...

*Esta é beeeeeeeeeem antiga,
mas ainda gosto dela...
#coisasdejanaina#

MINHA POESIA
Minha poesia brota da melancolia.
Dos beijos perdidos,
das carícias roubadas,
dos sonhos desfeitos,
das flores que não mais existem no outono.

Minha poesia brota das entranhas,
estranhas,
que se dilaceram
numa volúpia ardente de incisões,
profundas,
no imaginário dos meus caleidoscópios coloridos...

Minha poesia é passional.
Muito mais passional que meus atos.
E muito mais verdadeira
que meus retratos.
x_fb43382